quinta-feira, 9 de fevereiro de 2017

Resenha (14/150): Branco, de Priscila Baroni (Editora Autografia) #EuLeioBrasil



Sinopse: No Bosque das Vozes, uma garota acorda. Quem ela era? A garota descobre que não é a única pessoa buscando por essa resposta. Todos os que um dia apareceram por aquelas terras surgem sem memórias, sem saber quem são e como foram parar ali. Algo tira suas lembranças, mas o quê? Acolhida por apreensivas crianças, a menina percebe que está em uma pequena aldeia pertencente a um reino maior, comandado por um rei tirano que conquistara seu poder com guilhotinas. Ela logo descobre que não possuir memórias não é o problema, mas sim o seu próprio surgimento. Todos sabem que os neonatos aparecem apenas na Cidade Real e em nenhum outro lugar. Então por que aparecera no meio do Bosque? Por que via imagens em seus sonhos como lembranças apagadas por um grande borrão branco? Incontáveis perguntas sem respostas fazem com que encontre apenas uma solução para não ser notada: viver uma vida pacata com os moradores da aldeia, seus novos amigos e um velho vendedor de ervas medicinais que a acolheu. Porém, eventos inesperados farão com que o curso de sua vida seja alterado. Capturada, a garota se depara com novas descobertas que poderão mudar completamente sua história e a de todos os moradores do reino. Basta saber se as mudanças serão boas ou se seu pescoço irá arder o suficiente para fazer sua cabeça rolar. 





O que você faria se acordasse no meio de um Bosque, sem memória alguma? Sem lembrar do seu nome, e ainda mais parar em uma terra de sádicos? 

Alice, que recebe esse nome ao longo da história, acorda desnorteada em um bosque e é encontrada por três garotos. O problema é que ela não lembra de nada, muito menos como foi parar ali. Mas o que ela descobre, é ainda mais surreal, ninguém ali tinha memória. Todos que chegava no reino, chegavam sem informação nenhuma de suas vidas passada. Mas como aquilo acontecia? 

Em um enredo cheio de ação e crueldade, Priscila Baroni envolve o leitor em uma escrita fluída e que acontece de maneira leve. Alice e seus amigos enfrentarão a fúria de um rei sádico, par apoderem recuperar sua vidas. Mas como tinha ido parar ali? O que eram aquelas vozes que eles ouviam dentro de sua cabeça? Por que era proibido terem lembranças? Os garotos estão prestes a descobrir que o ser humano pode ser tão cruel, a ponto de controlar a vida daqueles que iam contra eles.  

Em meio a isso, vemos uma grande amizade crescer entre Alice, Theodore, Mandisa e Damian, quatro crianças que seriam a salvação daquela terra sem memória. A autora fez um trabalho incrível na criação de seus personagens e de seu enredo propriamente dito.  

O final é surpreendente e muito bem desenvolvido. Priscila não deixa pontas soltas, respondendo todas as perguntas e mistérios que são apresentados no livro. Você nem irá perceber enquanto  capitulo a capitulo, sempre com ganchos que não te deixam abandonar a leitura.  


A Cada página, uma nova surpresa, a cada segredo, um nova descoberta. A diagramação feita pela editora Autografia também ajuda no desenvolvimento da leitura, com folhas amareladas e uma fonte com tamanho ideal.  

Branco é aquele livro para você curtir uma boa aventura, cheio de boas reflexões sobre amizade, o poder e a capacidade da mente humana de criação. Priscila Baroni desenvolveu um enredo e personagens que te envolverão do inicio ao fim da história. Prepare-se para se aventurar por estas páginas. 

35 comentários:

  1. Oi!
    Quando você disse que todo mundo chegava lá sem memória nenhum, o livor me ganhou. rsrs...
    Achei o enrendo bem diferente essa parte e intrigante.
    Ainda tem o fator dele ser livro único! o/ Está tão difícil encontrar livros que não sejam de série/trilogia. ^^
    Obrigada pela dica!
    Beijão!
    http://www.lagarota.com.br/
    http://www.asmeninasqueleemlivros.com/

    ResponderExcluir
  2. Adoro encontrar resenhas de nacionais e adoro o jeito como falas dos livros! Sou fã, sabia?! Fiquei bastante curiosa pela premissa do livro, apesar de preferir coisas mais ligadas a relacionamentos amorosos, o livro parece bem interessante. Vou anotar a dica!
    bjos
    www.causoseprosas.com.br

    ResponderExcluir
  3. Olá, tudo bem?

    A Priscila tem talento.
    Uma das minhas colaboradoras leu a obra, confesso que fico mais curiosa sobre o enredo ao ler a sua resenha. Esse lance de todo mundo não lembrar nem mesmo de seus nomes é muito estranho.

    Beijo.
    Ana.

    ResponderExcluir
  4. Olá... não sou fã de aventuras e com certeza não me interesso por ler o livro, mesmo que o final seja surpreendente... não sei o que eu faria se acordasse no meio de um bosque, provavelmente, desmaiaria do susto novamente
    abraços literários!

    ResponderExcluir
  5. Já li uma resenha sobre essa obra e as opiniões até agora entre está e a outra são bem diversas. Confusa estou! Não é algo que eu sinta vontade de ler no momento, mas diante da sua resenha posso pensar em ler um dia.

    ResponderExcluir
  6. Tudo no livro chama a atenção, a começar do nome. Essa coisa de ter muitas surpresas me deixa master instigada e acho que curtirei.
    Nunca comentei, mas amo a fonte que você usa nas resenhas.
    MEU AMOR PELOS LIVROS
    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Olá
    Ultimamente eu tenho visto muitas resenhas relacionadas a essa obra e em sua maioria são repletas de boas críticas. O livro faz bem a minha pegada de gênero e depois de ler mais uma crítica como a sua, só me deixa com mais vontade de ler o livro o quanto antes for. Eu acho essa capa muito linda. Adorei conferir suas opiniões, até mais ver
    Abraços

    ResponderExcluir
  8. Olá! amei a premissa do livro. Assim como também sua resenha ajudou muito a aumentar, meu interesse por este livro. Abraço.

    ResponderExcluir
  9. Olá!
    Eu to louca nesse livro! Acho a capa linda e a sinopse fascinante.
    O mais atrativo, creio, é as pessoas aparecerem sem memória. Acho isso excepcional!
    Essa leitura quero muito fazer!
    Bj

    ResponderExcluir
  10. Oii
    Não me interessei só pelo fato de o ínicio da história (sem mémorias, numa florestas, todos sem mémorias) é muito Maze Runner pro meu gosto. Uma coisa não muito original da parte da autora.

    Vícios e Literatura

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Carolina. Obrigada por sua opinião, outras pessoas já haviam dito isso.
      Sabe o que é curioso? Nunca li nem assisti Maze Runner, na verdade não sei muito bem do que se trata. Tive a ideia de pessoas sem memórias em 2012 quando estava em um sítio de uma amiga, sem fazer nada.
      Acho realmente extraordinário como certas coisas nascem em nossa imaginação, com semelhanças ou não a outras histórias. rs

      Grande abraço!

      Excluir
  11. Olá,

    Eu já tinha lido outras resenhas desse livro, mas nenhuma me chamou a atenção, lendo sua resenha notei que você trouxe um ponto de vista diferente dos que há li, e achei a premissa bem interessante. Essa capa está muito bonita.

    Beijos,
    entreoculoselivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Oi, tudo bem?
    Não conhecia esse livro, mas de cara a sinopse chamou minha atenção. À medida que fui lendo sua resenha, fiquei ainda mais curiosa. Aí, quando você disse que o final é surpreendente e que a autora conseguiu amarrar todas as pontas da história, tive certeza que vou colocar esse livro na minha wishlist.
    Amei sua resenha!!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  13. Oie!
    Sinceramente não sei o que faria se acordasse em algum lugar sem me lembrar de nada. A história é interessante, e deu para notar o quanto gostou da leitura, e a história é recheada de surpresa. Vou anotar a dica.
    Bjks!
    Histórias sem Fim

    ResponderExcluir
  14. Olá,

    Só pelo início da sua resenha eu já coloquei na cabeça que farei a leitura desse livro o mais rápido possível. O fato da protagonista está em uma "encurralada" chama muito a minha atenção e aguça a minha curiosidade. Muito obrigado por apresentar a obra a mim!

    http://desencaixados.com

    ResponderExcluir
  15. Olá!
    Obrigada pela resenha. Fico muito feliz por ter gostado da leitura e por recomendá-la.
    Abraços.

    ResponderExcluir
  16. Uau, parece incrível mesmo!
    Ultimamente tenho lido bastante livro de suspense e adorando, então sua dica veio em uma boa hora, pois tô com vontade de ler mais livros do gênero!
    Ainda mais um livro que te prende né? Não conhecia o livro, mas já acrescentei à wishlist!
    Obrigada pela dica!

    Virando Amor

    ResponderExcluir
  17. Olá!

    Que enredo maravilhoso! Já confesso que super leria essa obra aqui resenhada. "Branco" parece aquelas histórias que o tempo todo surpreende e envolve o leitor. Não conhecia o livro e a autora, mas amei a dica. E respondendo a sua pergunta: deve ser horrível, confuso e perturbador acordar em lugar desconhecido e além disso sem memória. Curiosa para conhecer mais da história.
    Bjs!

    ResponderExcluir
  18. Caramba que livro interessante. Imagina acordar sem saber quem é e onde está, deve ser muito assustador e ainda ter que lutar contra sádicos! Deus me livre disso kkk Mas fiquei muito curiosa pra saber como a personagem lida com tudo isso!

    MEMÓRIAS DE UMA LEITORA

    ResponderExcluir
  19. Oiii!

    Eu já li algumas resenhas sobre livors com a temática parecida, mas não sabia como era essa obra. Acho que o tema escolhido pela a autora é ótimo e que ela teve bastante sucesso ao trabalhar com ele.
    AMO suspense e fiquei bem curiosa com sua resenha!

    Beijinhos

    ResponderExcluir
  20. Olá amore,
    Não conhecia o livro até então. Mas já fiquei mega curiosa pela leitura, parece ser bem intensa.
    Curiosa aqui por essa amizade e pelo que irá acontecer e por esse comentado final surpreendente rs.
    Beijokas!

    ResponderExcluir
  21. Nossa, se eu acordasse em uma terra desse jeito, a primeira coisa que eu pensaria seria no Slenderman... rs, ia morrer de medo! A premissa do livro parece muito interessante, e que capa é essa? Certeza que entrou na minha lista! Abraços

    ResponderExcluir
  22. Oi!

    Tudo bem? Que desesperador acordar sem saber/lembrar de nada! E fiquei muito mais interessada quando você mencionou a ação, sou apaixonada por livros assim, sempre fico completamente viciada neles, esperando pela próxima reviravolta e torcendo pra não dar nada errado com alguma personagem pela qual esteja torcendo (porque às vezes - várias vezes! - é mais de uma hahaha).

    Só tem uma coisa: o enredo me pareceu uma mistura de Jogos Vorazes e Maze Runner, não que eu esteja reclamando e outra coisa que preciso comentar é que a capa é maravilhosa! Quando olhei pra ela me apaixonei logo de cara <3

    Beijinhos
    Jessie
    www.paraisoliterario.com

    ResponderExcluir
  23. Oiee tudo bem?

    Ainda não conheço a autora, mas a sinopse já nos deixa bem intrigados para descobrir qual mistério por trás dessa falta de memória, espero poder conhecer em breve!

    Bjs Jany

    http://www.leituraentreamigas.com.br/

    ResponderExcluir
  24. Olá
    Acho esse livro bem curioso, esse mistério quanto as memórias do povo, esses esquemas do governantes e tudo mais, mas ao mesmo tempo essa violência toda não é bem isso que quero ler por hora, acho que se fosse algo mais sutil me atrairia mais. Então estou deixando o livro para um momento mais propício.

    ResponderExcluir
  25. Olá, tudo bem? Nossa gostei do que foi me mostrado. Não conhecia a autora, nem a obra mas ela conseguiu me despertar o interesse por causa da personalidade da Alice e pal questão da perda de memória. Dica anotada e ótima resenha!
    Beijos,
    diariasleituras.blogspot.com

    ResponderExcluir
  26. Olá! Gente, que sinopse é essa!? Me ganhou de cara, além dos seus comentários na resenha sobre a obra. Parece ser uma obra que fala sobre poder e empoderamentos das massas nas entrelinhas. Estou certa em arriscar esse palpite? Se fala sobre sociedade: estou dentro. Já quero ler!
    Abraço.

    ResponderExcluir
  27. Oi, tudo bem?
    Nossa, que sinopse enorme... Eu acho que já conhecia o livro, não tenho certeza.
    Adorei a capa, e esse lance de perda de memória sempre cama a minha atenção, apesar de não gostar muito de aventuras. Então ainda não sei se leria...




    ourbravenewblog.weebly.com
    Participe do nosso TOP COMENTARISTA valendo um livro JANTAR SECRETO, do autor Raphael Montes :)

    ResponderExcluir
  28. Olá!
    Achei super bacana o enredo do livro e parece realmente ser aquele tipo de aventura que te prende do início ao fim. Estou curiosa para saber porque todos perdem a memória quando chegam lá. Sinto cheiro de armação.
    Bjs.

    ResponderExcluir
  29. Sua resenha acho que foi a primeira que me deu uma pista muito grande de como acontece a tal "perda de memória". Gosto de livros com o tema, mas esse me parece ser de outro tipo, já que pelo que entendi isso acontece como castigo e não de uma forma mais "normal", como um trauma ou algo assim, mas claro que posso estar enganada. Não sei se leria, apesar de ter lido várias resenhas ainda não consegui tomar uma decisão.

    ResponderExcluir
  30. Oie!
    Caramba, não sou muito de ler fantasia, mas fiquei bem curiosa com esse livro. Gosto muito de livros assim, com mensagens, amizade, então acredito que mesmo sendo fantasia, eu vá curtir bastante. :) Fiquei curiosa.

    ResponderExcluir
  31. Oi Mairton!
    Caramba, que livro!! Já quero haha
    Adorei a resenha e já vou pôr na minha lista SZ
    Beijos, Lorena

    ResponderExcluir
  32. Oi, tudo bem?
    Já li outras resenhas desse livro, mas a sua está muito empolgante!!! A forma como contou a história é contagiante. Você fez perguntas que me deixaram muito curiosa, agora quero saber como esse rei conseguiu levá-los até esse reino, como ele tirou a memória deles e principalmente, como eles irão sair dali. Não vejo a hora de ler!!! Sua resenha ficou ótima!!!
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  33. Oie!!!
    Adorei a sua resenha sobre essa obra...
    A Priscila é uma daas parceiras do LT e a Ari que leu o livro também gostou demais da obra. A junção das duas resenhas que li, me deixou ansiosa para conhecer esse mundo.

    Dica anotada

    beijos
    Livros & Tal

    ResponderExcluir
  34. Gostei muito da capa! Essa coisa de preto e branco e a pequena participação do vermelho ficou excelente! Palmas!

    Mas infelizmente a resenha me lembrou uma temática semelhante... Maze runner: desacordados desmemoriados surgem numa aldeia. Bem familiar...

    Talvez a semelhança acabe por aí.

    Me interessei bastante pelo enredo do livro, seus elogios à obra foram bem convincentes, ainda mais por ser um livro de aventura, que é um dos meus preferidos!

    Abraços!
    www.asmeninasqueleemlivros.com

    ResponderExcluir

Deixe-nos sua opinião sobre esta postagem.