terça-feira, 11 de outubro de 2016

Resenha: O Grito, Uma História de Amor E Preconceito, de Wilson Costa




Olá, tudo bem com vocês? Hoje estou aqui com a resenha de O Grito, do autor nacional Wilson Costa, já faz algum tempo que conheci um livro através do Facebook e simplesmente me apaixonei pela sinopse e coloquei como meta a leitura, até que entrei em contato com o autor e ele foi super prestativo de me ajudar nessa saga.

O tempo vai passando e por mais que a homossexualidade se torne algo até que comum nos dias de hoje, ainda existem aqueles velhos e chatos preconceitos. A pergunta central de O Grito é: De que maneira entendemos a homossexualidade?

Para uns uma anormalidade, para outros uma doença, para alguns uma falha da natureza, mas não seria apenas mais um ato de amor? Perguntas que ainda ecoam fortemente, que geram tanta intolerância e incompreensão. O livro de Wilson é um romance que faz com que refletimos sobre um tema bastante atual.

Através dele conhecemos a história de Arturo e Fausto, Sara e Anita, dois casais que vivem um amor “anormal” para muitos da sociedade, porém um amor que ultrapassa qualquer força da espiritualidade. O livro traz a vida presente e passada dos personagens, através do espiritismo e a reencarnação, entendemos como cada um está predestinado para se encontrar nessa e em outras vidas.


Como a homossexualidade era vista na Europa medieval? E no Brasil dos anos 30? E como a história dos personagens passa por várias reencarnações para chegar ao que são hoje. Seria possível que nossa “outra” metade atravessa vidas para vivermos ardentemente o amor que nos está predestinado?

Seriamos seres já com destinos predestinados, seria o amor mais do que carnal, espiritual? E que nos apaixonamos não pelo físico, mas sim pela alma do outro ser?

O Grito consegue fazer com o que o leitor reflita em cada capitulo e tome suas próprias respostas. Traições, casos extra conjugais, preconceito, intolerância, maldade tudo isso ronda nossos casais através de espíritos perdidos que causam todo o mal de sua vida. Como um espirito consegue fazer para que possamos tomar decisões erradas e como fazer para que eles encontrem a luz? E o que temos de fazer nessa vida para passarmos para o “outro” lado descansados? Tudo isso Wilson Costa trata de uma maneira singela e especial.

O Grito, publicado pela Editora EBM, que enviou o livro para mim, é um romance que vai te prender do primeiro ao último capitulo e te deixará com vontade de saber muito mais daquelas vidas que se entrelaçam através dos séculos e como ainda o amor pode ter toda razão ao não distinguir sexo, etnia ou raça. O mais vendido na Editora Saraiva nos livros do segmento LGBT

Aprenda com O Grito, que o maior preconceito pode estar dentro de você mesmo, e que a luz para extinguir tudo de mal que te ronda está em sua mão pronta para ser usada. 

34 comentários:

  1. Olá
    Eu não conhecia nem o livro e nem o autor, mas foi ótimo poder conferir suas impressões. Achei interessante o fato de você comentar que há essas reflexões e não tenho dúvidas de que prende o leitor até o final. Espero ter a oportunidade de ler também.
    Beijos, Fer
    www.segredosemlivros com

    ResponderExcluir
  2. Olha saber como temas como a sexualidade são tratados em épocas passadas me interessou bastante, porém não curto muito livros de vidas passadas e espiritismo por isso passo a dica. Parabéns pela resenha. Beijos

    ResponderExcluir
  3. Obrigado Mairton Salvattore, vim aqui deixar a minha consideração com a gratidão das coisas naturais que nos acontecem, assim cada um que nos ajuda a divulgar O Grito é um componente da minha missão, maior do que somente escrever, de levar uma parada de paz e sanidade a esse mundo tão intolerante e preconceituoso. O Grito é um dos caminho para o entendimento das orientações sexuais como das natureza agressivas de alguns. Fica o meu carinho pelas palavras. E desejo que os que leiam e gostem que possa serem outros componentes de melhorar esse Planeta que habitamos, abraços, fiquem bem

    ResponderExcluir
  4. Ola
    Sua resenha está muito boa, o livro parece ser bem escrito e aborda um tema que gera sempre discussão. Preconceito, intolerância são horríveis. Que bom que existem autores falando sobre isso.
    Bjs

    ResponderExcluir
  5. Olá,
    Eu quero esse livro JÁ! Fiquei muito ansiosa para ler a história completa, pois realmente me interessei. Achei a capa muito interessante também!
    Parabéns pela resenha e pelo lindo blog!
    Bjs

    ResponderExcluir
  6. Oiii, tudo bem?
    Gente eu achei esse livro lindo e maravilhoso, adoraria ter a oportunidade de realizar a leitura, além do mais aborda um tema que hoje ainda é muito debatido, até mesmo evitado e o pessoal tem um preconceito sem noção, parabéns pela resenha e leria com toda certeza.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  7. Olá, saber que o amor pode ser predestinado de vidas passadas é algo interessante demais, o livro aborda um tema muito atual, o preconceito, intolerância, traição e a ignorância da sociedade em pensar que a homosexualidade é uma anormalidade, infelizmente é algo real e me entristece. Gostei da sua resenha e se não fosse por els nem saberia sobre o livro, que bom que gostou e fico feliz de saber que o autor soube abordar bem o tema. Bjs

    ResponderExcluir
  8. Olá, tudo bem?

    Tive um amigo que dizia que sua maior tristeza era ainda não ter encontrado a pessoa que ele combinou de reencontrar vidas à fora. Ele se foi sem conseguir realizar esse encontro, mas com a esperança de na próxima estar junto da sua metade.

    Gostei da sinopse e sua resenha foi de uma delicadeza ímpar, mas dessa vez vou deixar passar a dica, ainda muito mexida com as perdas da minha vida.

    bjss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa me impressionei com a historia desse seu amigo. Obrigado pelo elogio!

      Excluir
  9. Oi, tudo bem?
    Então, eu não conhecia a obra e gosto bastante do tema homossexualidade, porém, pelo que percebi em sua resenha se trata de um livro com uma pegada mais espirita (talvez eu esteja errada, e se for o caso pode me corrigir, fazendo um favo) e esse é um gênero que eu não gosto, e por isso acabo não lendo, todas as minhas tentativas foram um fracasso, não chego nem na metade quando desisto da obra. E por isso esse seria um livro que eu não leria, mesmo trazendo um tema no qual me interesso. A sua resenha ficou muito boa, parabéns!

    ResponderExcluir
  10. Eu acho incrível as editoras estarem investindo nesse tipo de leitura, mas eu mesma não tenho muita paciência... kkkk... li alguns um tempo atrás que só de tiraram a paciência... pq não gostou de ninguém de mimimi e todos os que eu peguei era um dramalhão de tirar a paciência, uma alto piedade um mimimi desnecessário que quando vejo que o livro segue essa linha passo por cima. Fico feliz que tenha gostado, até que a minha experiência ruim passe, não encararia a leitura ainda.

    Raíssa Nantes

    ResponderExcluir
  11. Olá!
    Ainda não conhecia esse livro, mas achei muito interessante. Não tenho preconceito com homossexualismo, pois acho que toda a forma de amor é válida, mas as pessoas que acham os homossexuais são 'anormais' acham que aqueles que aceitam fazem parte do time e só não querem confessar, sabe? Por conta desse 'achismo' já vi muitas pessoas que respeitavam agirem de forma radical e preconceituosa para se mostrar perante os outros. Só acham que são uns imbecis, perdão pelo termo.
    Gostei de o autor ter trabalho a questão espiritual nesse livro, que é algo que eu concordo demais. Nós combinamos de nos encontrar com algumas pessoas, não temos culpa se nascemos no 'sexo errado', já pensei sobre isso várias vezes e gostei muito muito de conhecer sua experiência. Vou anotar essa dica, com certeza.
    Beijos,
    Um Oceano de Histórias

    ResponderExcluir
  12. Olá,

    Não conhecia a obra mas fiquei bem interessada na premissa, é diferenciada sim e tem esse lado do terror que me deixou bem intrigada com a história. Gostei da pegada LGBT também, vou anotar a dica e espero ler em breve.

    Abraços,
    Cá Entre Nós

    ResponderExcluir
  13. Oi!

    Caramba, fiquei muito feliz ao ler sua resenha, pois eu adoro livros que abordam a temática LGBT. Não por ser bissexual, mas porque acho importante e a literatura tem voz. Fiquei bem contente em saber sobre esse livro e concordo que o preconceito as vezes, na maioria delas, está em nós, mas acho que muitas vezes, o preconceito é uma extensão da sociedade. Adorei a resenha, anotei a dica!

    =)

    ResponderExcluir
  14. Olá,
    Acredita que eu ainda não li nenhuma obra que tratasse do tema homossexualidade?!?
    Pois é. Simplesmente adorei sua resenha e fiquei muito curiosa para conferir a obra e refletir sobre os levantamentos apontados nela.
    A literatura é uma excelente forma de conscientização e quebras de tabus e preconceitos. Esse preconceito, muitas vezes, está em nós e na forma que a sociedade tenta nos padronizar.

    http://leitoradescontrolada.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  15. Olá!! :)

    Eu não conhecia este livro mas ainda bem que apreciaste! :) Que bom que gostaste do estilo do autor, assim como da forma como ele leva o leitor a refletir sobre cada paragrafo da obra! :) Bem interessante, isso! :)

    Contudo, não faz mutio o meu género. Mas hei de ler um livro sobre o tema, porque nunca li nada sobre homossexualidade, acreditas? :) ahah

    Boas leituras!! ;)
    no-conforto-do-livros.webnode.com

    ResponderExcluir
  16. Oi, tudo bem? Puxa que legal esse livro abordando um assunto que apesar de estarmos em pleno século 21 ainda existe muito preconceito sobre ele. E achei bacana abordar a espiritualidade nesse assunto também.
    Bj

    ResponderExcluir
  17. Oi, tudo bem? Puxa que legal esse livro abordando um assunto que apesar de estarmos em pleno século 21 ainda existe muito preconceito sobre ele. E achei bacana abordar a espiritualidade nesse assunto também.
    Bj

    ResponderExcluir
  18. Oi, tudo bem? Achei bem bacana o tema que esse livro aborda pois em pleno século 21 infelizmente ainda existe muito preconceito quando o assunto é o homossexualismo. E achei legal também abordar a questão da espiritualidade nesse tema.
    Um bj

    ResponderExcluir
  19. Olá ♥
    Não conhecia o livro, mas fiquei totalmente empolgada para fazer a leitura. Hoje em dia vivemos em um mundo preconceituo, falo isso por que na minha família existe tanto Gay quanto lésbica e sei o preconceito que os cercam. EU ACHO JUSTO TODA FORMA DE AMOR INDEPENDENTE DE RAÇA COR OU SEJA LÁ O QUE FOR, SE A PESSOA ESTÁ FELIZ TEM MEU APOIO. Amei a temática deu para perceber né? Não tenho costume de ler LGBT, mas esse me chamou atenção e com toda certeza irei indicar para os meus primos.♥

    ResponderExcluir
  20. Oie!
    Eu ainda não conhecia o livro, e achei bem interessante essa trama. Com certeza será uma leitura bem emocionante. Gostei bastante dessa indicação.
    Bjks!
    Histórias sem Fim

    ResponderExcluir
  21. Oi, tudo bem?
    Esse livro me parece ser bastante reflexivo, já que fala sobre como o relacionamento entre gays e lésbicas era visto em outras épocas e imagino que não deva ser fácil ver tudo que essas pessoas passaram, todas as dificuldades. Afinal de contas, se em pleno 2016 admitir que você é homossexual já te coloca em perigo, imagina só nos anos 30? É algo que não entra na minha cabeça, essas pessoas não fazem mal a ninguém e mesmo assim continuam assassinando-os.
    Achei legal você ter comentado sobre nos apaixonarmos não pelo físico da pessoa, mas pela alma. É um outro lado de ver as coisas.

    Beijos! ♥

    ResponderExcluir
  22. Olá!
    Não conhecia esse livro e achei muito interessante porque, além de tratar de dois relacionamentos diferentes, se trata também de décadas diferentes e isso com certeza faz toda a diferença. Fiquei com vontade de ler porque ultimamente estou curtindo muito esse espaço que a literatura lgbt está ganhando.
    Beijos.
    http://arsenaldeideiasblog.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  23. Oi Mairton, tudo bem?
    Eu ainda não conhecia esse livro, mas fiquei bem interessada :)
    Eu sou hétero, mas livros com temática LGBT muito me interessam. Inclusive, coloco personagens com essas características nos meus livros também, afinal representatividade importa <3
    Não costumo ler livros espíritas, mas acho que esse não é o caso exatamente do livro é? Tipo, um livro ditado por um espírito, por exemplo, como os da Zíbia. Acho que ele apenas fala sobre essa questão espiritual. E isso me atrai muito. Não sou espírita, mas é muito importante conhecer um pouco mais sobre.
    Então com certeza esse é um livro que eu leria. E acho que iria curtir muito, assim como você.
    Beijoooos
    http://profissao-escritor.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  24. Nunca tinha ouvido falar desse livro, mas me interessei pela leitura. Gosto muito de livros que falam de reencarnações, é um tema que me atrai bastante, e esse ainda tem o diferencial de lutar contra esse preconceito ainda tão presente.

    ResponderExcluir
  25. Olá,

    Ainda não tinha conhecimento e sobre a obra e não conhecia o autor, porém mesmo se tratando de um assunto "polêmico", a reencarnação, eu não me senti atraída a ler a obra. O outro tema abordado na história, o homossexualismo, está muito em alta e acho muito bom esse hype do tema, para ver se assim a homofobia se acaba.

    Beijos,
    entreoculoselivros.blogspot.com

    ResponderExcluir
  26. Acho a homossexualidade um tema super pertinente, que deve ser explorado, pois, como você mesmo disse, por mais que nos dias atuais ela seja mais aceita, ainda existe preconceito. Ando vendo vários livros com essa temática, e espero logo ter a oportunidade de ler algum deles. Gostei da sua resenha, abraços

    ResponderExcluir
  27. Olá amore,
    Não conhecia o livro, nem a editora, curiosa aqui já.
    Adorei a temática do livro.
    Parabéns por sua resenha!
    Beijokas
    www.facesdeumacapa.com.br

    ResponderExcluir
  28. Mairton, tudo bem?

    Gosto bastante de livros com temática LGBT. Sempre encontro histórias sensíveis, cativantes, capazes de despertar bastante reflexão. Mas nunca tinha visto nada nesse sentido, que mistura essa questão com espiritualidade...Deve ser incrível!
    Fiquei super interessada, já coloquei na minha lista de desejados.

    Obrigada pela dica!

    (P.s. COmecei a ler Aristóteles e Dante descobrem o segredo do universo, gostando até agora. Já lestes?)

    Leitoras Inquietas

    ResponderExcluir
  29. Olá, não conhecia o livro, mas adorei a premissa, ainda hoje o preconceito com a comunidade LGBT é imensa e isso é ridiculo, mas é ótimo um livro contar como isso era tomado a tempos atrás, um estudo diacrônico do amor gay, é algo totalmente novo e fascinante, quero muito ler

    ResponderExcluir
  30. Olá! Não conhecia essa obra, mas achei super bacana de abortar sobre preconceitos, fazem que muitos leitores abram suas mentes para o próximo e deixe de pensar pequeno e se encher de ódio com um preconceito bobo e idiota. Quero ler esse livro com toda certeza.

    ResponderExcluir
  31. Hello! Tudo bem?
    Não conhecia o livro de Wilson Costa e achei bem interessante pelo que li na sinopse.
    Fiqueu curiosa para ver como o autor tratou os relacionamentos dos casais do livro.
    Achei o titulo pertinente tb, bem legal tudo.
    Gostei muito do que falou do livro e sinto que vai ser uma leitura agradavel para mim tb.
    Amei a dica de leitura.
    Beijos.

    Livros e SushiFacebookInstagramTwitter

    ResponderExcluir
  32. Achei o livro muito interessante, pois aborda uma questão que é muito importante na nossa sociedade, que é o preconceito em relação à homossexualidade. Creio que é muito importante que se publiquem, cada vez mais, livros que nos tragam essa reflexão. Achei interessante o fato de tratar de uma vida passada. Gostei da dica!

    Tatiana

    ResponderExcluir
  33. Oi, tudo bem?
    Achei a tua dica e a resenha da mesma absolutamente maravilhosas, ainda mais se tratando de um tema tão fortemente alvo de preconceito e ignorância! Que esse livro possa abrir a mente de muitas pessoas e s faça perceber que no fim, o que vale é o amor!
    Abraços e beijos da Lady Trotsky...
    http://rillismo.blogspot.com

    ResponderExcluir

Deixe-nos sua opinião sobre esta postagem.