sexta-feira, 25 de outubro de 2013

Veja As Fotos do Lançamento de Ninfetâmina, de Kaah Araújo (Editora Baraúna)

Olá queridos leitores, o tempo não tem me deixado estar mais presente no blog, porém prometo que voltarei a ativa com tudo. Hoje venho trazendo algumas fotos do lançamento do livro “Ninfetâmina” da autora parceira Kaah Araújo, não pude comparecer ao mesmo, mas não podia deixar que o evento passasse em branco aqui no STC. O livro foi publicado pela Editora Baraúna, que sempre está presente em nosso blog.


Confira algumas fotos do lançamento do Livro Ninfetâmina, da autora Kaah Araújo, realizado neste dia 24 de outubro às 19 horas, na livraria Maxsigma do Shopping Vale Sul.

"Obrigada pela presença de todos!

Muito emocionante, divertido, bacana, enfim, tudo de bom!"
(Kaah Araújo, Autora)

801_245991012220481_6718624_n

6419_245987592220823_34109270_n

995729_245986278887621_690763407_n

1002001_245985322221050_617603246_n

1375278_245985375554378_1209086124_n

1377021_245985255554390_213183597_n


1377266_245986145554301_534012156_n

1380027_245985528887696_747135921_n

1390534_245987005554215_1242312341_n

1391738_245985362221046_188905371_n

domingo, 20 de outubro de 2013

Sorteio do Livro "As Leis do Amor" (Editora Gente)

Um amor feliz não acontece por acaso. O que fazer para um relacionamento dar certo? Como saber se estamos com a pessoa ideal? Quando se deve insistir mais, e quando é o momento de desistir? Viver a plenitude do amor a dois é o desejo de muitas pessoas, mas por vezes encontramos obstáculos que dificultam que uma relação seja tão feliz quanto se sonhou. A sensação é que há problemas que, por mais que se tente, parecem não se resolver. Um parceiro culpa o outro pelos desentendimentos, achando que é dever da outra pessoa fazê-lo feliz. Em vez de relações leves, felizes e saudáveis, as pessoas acabam em esquemas destrutivos e nocivos, que trazem mais infelicidade que alegria, prazer ou amor. Será que conseguir um bom relacionamento é questão de sorte ou destino? Para o autor deste livro, não. É uma questão de seguir determinadas leis. Ele mostra que existem as poderosas Leis do Amor: os 14 princípios universais testados ao longo de milhares de anos, que são capazes de fazer transbordar de felicidade a vida de quem aprende a segui-los.

Entendê-las e saber como usá-las vai permitir que você entre em harmonia com o fluxo natural das coisas, e isso abrirá as portas para que você viva o amor na plenitude. Portanto, a qualidade das suas relações depende principalmente de um único fator: você. Prepare-se para a jornada que pode ser a mais importante da sua vida. Ao ler estas páginas, você estará no caminho da descoberta que lhe dará a informação necessária para criar o relacionamento dos seus sonhos.

Então que levar esse livro pra casa? Participe do nosso sorteio e ganhe um exemplar de “As Leis do Amor” + Marcadores da Editora Gente. Veja como é fácil:

1 – Siga Publicamente o Blog São Tantas Coisas
2 – Curta Página da Editora Gente no Facebook: https://www.facebook.com/editoragentebr
3 – Curta a Página do Blog São Tantas Coisas: https://www.facebook.com/BlogSaoTantasCoisas

4 – Comente Seu Nome, Cidade, Estado e E-mail nessa postagem.


Depois é só torcer, o sorteio será feito no dia 30 de Outubro.... J

segunda-feira, 14 de outubro de 2013

Fala Claúdio: Resenha - Favela Paris, de Sidney Amaral

Por Claúdio Quirino

Fazia um tempinho que eu não conhecia um mundo tão particularmente interessante e socialmente real quanto à retratação fiel de uma favela carioca, mundo pelo qual o autor Sidney Amaral teceu uma história coerente, de um sensacionalismo formidável e – com aquilo que me chamaria mais a atenção – acompanhada de uma linguagem humorada e simpaticíssima.

Em Favela Paris (Editora APED), o leitor é rapidamente apresentado a três recortes de uma realidade diferenciada, vivenciada por três personagens que concebem seus pontos de vista através de uma narrativa com finalidades conclusivas; cada uma delas, concebe uma linha de raciocínio lógica, ética e de apresentação de características pessoais, visão de mundo e do próximo e, acima de tudo isso, entrega de perspectivas diversas. Ari (um pedreiro misteriosamente detentor de grandes conhecimentos de causa), tenente Carlos (um homem altivo, marcado por chagas da própria profissão e da crueldade da vida) e Jaqueline (administradora multimilionária que busca investimentos) revelam o quanto a vida nas favelas podem ser tragicamente transformadas a partir de uma impressionante idéia que, nem nos meus pesadelos mais inteligentes, alguém poderia supor ou desejar.

É, aqui, que a originalidade do enredo do romance ganha principal destaque, honrando sua proposta com debates políticos, coesos e que argumentam a sua escolha. Nada mais coincidente que amarrar a vida desses três personagens em uma improvável empreitada em que o sonho de mudar a cara das favelas cariosas. E quando digo mudar a expressão que as favelas atualmente denunciam, Sidney ousou ambientar cada aspecto e, com um primor técnico de linguagem de convencimento, entregou um livro que, apesar de tudo, ainda é cercado de muito mistério, tensão, cenas de cair o queixo.


Ação. É um livro que apresenta boas tomadas de ação e isso eu gostei, porque cada um deles justifica seus pontos de vista usando retalhos e acontecimentos empolgantes. E, até aqui, Favela Paris cumpre com a sua promessa de modernizar o negócio do tráfico, das oportunidades, da vida dos moradores e do próprio controle interno de uma rede que aumenta a olhos vistos, em todo o país. Modernidade. O livro ainda apresenta uma bela capa – assinada com uma riqueza de detalhes e cores marcadas –, uma boa diagramação, revisão. No entanto, senti um pouco mais de falta da estruturação de alguns parágrafos, do detalhamento de alguns acontecimentos, embora isso não tenha efetivamente trazido problemas, e de um melhor trabalho psicológico dos personagens. Enfim, nada disso afetou o enredo. Favela Paris conta uma história cheia de arte, simbolismo, confiança na mudança da realidade e traz o título que, por si só, constitui uma grande curiosidade, que, aos poucos, vai se tornando convincente e provocando uma aberta discussão.

domingo, 13 de outubro de 2013

Resenha: As Leis Do Amor - Crie O Relacionamento dos Seus Sonhos, de Chris Prentiss

Será que existem regras para e ter um relacionamento dos seus sonhos? De acordo com o autor Chris Prentiss existem sim, não exatamente regras, mas 14 leis que podem transformar um relacionamento já caminhando para o fracasso em um relacionamento perfeito.

O livro “As Leis do Amor” publicado pela nossa parceira Editora Gente, traz 14 pequenas leis que podem ajudar casais a se relacionarem melhor. O livro é pequeno e nas suas 159 páginas trazem dicas e conselhos como cada um deve se portar diante dos problemas e adversidades que surgem cada vez que estamos em um relacionamento amoroso. Confesso que no começo duvidei um pouco dessas leis (sou um pouco cético às vezes), mas quando inclui algumas delas no namoro que estou, pude ver que realmente dão certo.

Cada capítulo do livro traz uma lei que se for seguida pode ajudar um casal a ser mais produtivo. Cada página que lemos, começamos a enxergar o quanto estamos errados em certas atitudes e nem nos damos conta disso.

O sentido do livro é nos mostrar como o amor pode ser vivido em sua total plenitude e como nós como companheiros podemos aceitar os erros e defeitos do nosso (a) parceiro (a). Quem for ler o livro conhecerá o quão profundo pode ser um amor verdadeiro e quantas discussões podem ser evitadas usando apenas simples leis do amor que podem e vão fazer toda a diferença no seu namoro, noivado ou casamento. Quem ainda não está namorando, começará a aprender as leis e entenderá porque ainda não encontrou o amor que tanto procura.

Recomendo o livro “As Leis do Amor” de Chris Prentiss, não por tratar do amor, mas sim por tratar do ser humano como algo que deve ser eternamente valorizado. Aprendi muito ao ler esse livro e com certeza aplicarei as leis na minha vida, assim saberei que poderei construir um relacionamento dos meus sonhos.

Titulo: As Leis do Amor – Crie O Relacionamento dos Seus Sonhos
Autor: Chris Prentiss
Editora: Editora Gente
Páginas: 159
Ano: 2012

quarta-feira, 2 de outubro de 2013

Envie Seu Conto Para A Coletânea "E Se Só Me Restasse Esse Dia" da Aped Editora

Olá amigos queridos, passando aqui rapidinho para deixar uma dica especial aos velhos e novos autores brasileiros. A Editora Aped está selecionando contos para sua nova coletânea: E Se Só Me Restasse Esse Dia. Os organizadores são Claúdio Quirino da Coluna "Fala Claúdio!" aqui do blog e também de Zélia de Oliveira. Para participar basta seguir o regulamento abaixo e enviar seu conto para aped@wnetrj.com.br. Então tá esperando o quê? Não perca essa oportunidade de mostrar o seu trabalho.