quarta-feira, 21 de novembro de 2012

Dica de Livro: Lançamento - Eu, Meu Pai e meus outros amores, de Lilian Reis

ISBN:  978-85-7679-850-7
Páginas:  320

Editora: Novo Século
Formato:  21 x 14 cm
Peso:  0,43 Kg
Acabamento:  BROCHURA
Data de Lançamento:  30/11/2012
Por: R$  34,90

"..O PIOR DIA DA MINHA VIDA FORA AQUELE DOMINGO PELO MENOS EU ACREDITAVA QUE FOSSE"
A Editora Novo Século, parceira do blog, lança um novo sucesso emocionante: Eu, Meu pai e meus outros amores, da autora brasileira Lilian Reis, e como adoro lançamentos nacionais, venho trazendo essa dica de livro hoje.


Há coisas na vida que acontecem e a pessoa se revolta, fica com raiva de tudo e de todos, contudo, Jade teve que aprender da maneira mais dura, que o mundinho no qual ela vivia era fútil, uma imensa bola cheia de nada. Para Jade, tudo que importava era sua mãe, padrasto e amiga. O pai era um sonho inalcançável, uma figura por quem Jade nutria “sentimentos incompreensíveis”. Ela acreditava que aquela vida de badalações, academia de dança, luais, e festas eram tudo de bom, e para o qual valia a pena viver. O resto era descartável. Entretanto, Jade fora inserida “contra sua vontade”, em outro mundo. Um lugar completamente sem valor para ela. As pessoas pouco lhe interessavam e tampouco ela acreditava que eles se interessassem por ela. Para ela, uma garota da cidade grande, o que importava eram as coisas que ela podia fazer e a maneira como se divertia, e amava apenas essas pessoas que eram seu ”tudo”... Uma história cheia de emoções, conflitos, dúvidas e descobertas, que tem um enredo gostoso, uma linguagem jovem e engraçada. Prepare-se para conhecer o outro lado do mundo de Jade. Uma adolescente quase adulta, que se mostrou rebelde e marrenta. Será que Jade aprenderá com seus erros a ser uma pessoa melhor? O livro aborda vários temas importantes, dentre eles a primeira transa, a amizade, e os sentimentos de um modo geral. Contudo, a abordagem principal é o amor de Jade por seu pai. Um homem do interior, que conviveu com sua filha apenas nos primeiros anos de vida, mas que a marcou muito. Para ela, o pai foi seu herói, aquele que a acudia dos pesadelos e dos seus medos. Todavia, a imagem deixada por ele apagou-se pelo fato de ele não ser um pai presente. A vida de Jade deu outra guinada após uma tragédia, que a obrigou a viver outra realidade...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe-nos sua opinião sobre esta postagem.